Miomas e Suas Causas Emocionais

Miomas e Suas Causas Emocionais

      

Miomas e Suas Causas Emocionais

Você que sofre com miomas já parou para se perguntar como eles se manifestam no nosso útero? Vamos então compreender sobre os Miomas e Suas Causas Emocionais, vai se surpreender assim como eu.

Desde o início da minha menstruação sempre tive problemas com muita cólica, só adulta que eu descobrir os miomas. Em outros artigos informei que sofri duas hemorragias, uma de 6 meses e outra de 10 meses.

Já fiz cirurgia retirando um mioma, mas isso não resolveu o problema. Tive vários abortos e os médicos diziam que era normal, mas eu não me conformava que todo aquele sofrimento fosse normal, percebi que havia alguma coisa errada comigo.

Fui buscar as causas e me surpreendi com as descobertas.

Causas Emocionais dos Miomas

Causa emocional dos Miomas 

Pesquisei no Google: As Causas Emocionais dos Miomas, veio uma avalanche de informações, mas confesso que eu não acreditei que eram verdade. Confesso que tive muito preconceitos em me render àquelas respostas.

Quanto mais eu estudava em fontes diferentes, mas eu tinha a certeza que realmente eu tinha que me render e aceitar as causas reais de todo sofrimento com mioma e abortos e percebi que eu podia me curar.
As causas emocionais dos Miomas estavam justamente em eu ter anulado, rejeitado a minha feminilidade. Claro que tudo isso era inconsciente para mim, mas era real. Inconscientemente, eu preferia ser homem, porque eu não via razões e nem benefícios em ser mulher.

Todo mês aquele sofrimento com a menstruação e além da dor, me sentia suja, doente e imunda e ninguém me explicava o que tava acontecendo comigo.
Foi que eu desenvolvi essa raiva em ser mulher e essas reações contra mim só produziram emoções que me prejudicaram e me tornou uma mulher agressiva.

Eu aprendi que era normal ter problemas durante a menstruação, não via beleza alguma em ser mulher e muito menos em ser feminina.

Função em ser Mulher

Função da Mulher

Infelizmente nós mulheres não sabemos qual a nossa função como mulher, o porquê Deus nos deu essa função e que não foi ensinado pelas nossas mães, mas elas também não aprenderam.

Diante disso detectamos a raiz do problema, somos vítimas de vítimas. Entretanto, existe uma grande diferença, hoje temos muito mais oportunidades de aprender e de nos autoconhecer que as nossas mãe e avós.
A não aceitação à feminilidade causam problemas no nosso aparelho reprodutor, como: miomas, cistos nos ovários, nódulo na mama, dificuldades em engravidar, quedas de cabelos.

Por mais que tomemos remédios para tratar essas doenças, percebemos que parece um problema sem fim que nunca se resolve.

Infelizmente enquanto não nos rendermos que precisamos olhar para nós e nos avaliarmos se realmente estamos em harmonia com o nosso corpo, não vamos resolver esses problemas que nos causam tanto sofrimento.

A Beleza de ser Mulher 

Beleza de ser Mulher

Precisamos ouvir o nosso corpo, reconhecer as mensagens que ele nos manda. Aprender que o meu corpo funciona diferente do corpo do homem.

Nós mulheres não somos lineares como os homens, temos oscilações hormonais. Isso faz parte do ciclo natural da mulher, mesmo aquelas que não menstruam sentem essa mudança no corpo.

Quanto mais resistimos à natureza feminina, o nosso corpo continuará nos dando sinais de que precisamos assumir a nossa essência.

Consequentemente, nossas emoções serão retidas e se manifestam como: agressão, raiva e angústia que se tornam emoções incontroláveis.

Aceitação é um passo da mudança

Você nasceu Mulher

Sentimos um peso muito grande em ser mulher pelos papéis que precisamos desempenhar como ser esposa, mãe, mulher de negócios e amante.

No entanto, como adultas e inteligentes, sabemos que não tem como fugirmos de nós mesmos e do nosso corpo. O mais saudável é fazer as pazes conosco e conhecer caminhos que faz isso tudo se tornar mais leve.
Com muita alegria eu afirmo a vocês, que ao me aceitar como mulher e ao assumir a minha feminilidade, a minha natureza, hoje me sinto mais leve, até os problemas com os miomas diminuíram.

Ainda estou trilhando esse caminho do autoconhecimento, mas no pouco que apliquei eu vi diferenças incríveis.

Estarei abordando esses assuntos sobre feminilidade em outros artigos. Quero dividir com vocês esse processo da minha cura e do meu resgate do feminino.

Acredito que muitas vão se identificar com a minha história e a minha transformação, porque é possível. Se está acontecendo comigo, vai acontecer com todas que se permitirem também. Gratidão a todas.

Envie seu comentário